segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

alguém me explica?

Deixa eu contar uma história IRRITANTE pra vocês (por favor, opinem ou pelo menos me mandem palavras de afeto e apoio):

Na sexta-feira anterior ao carnaval, fui até a loja da CLARO comprar um aparelho novo, já que eu estava usando celulares emprestados da família havia muito tempo. Cheguei lá e falei pro rapaz: quero um barato com um MP3 player. Em cinco minutos, comprei o lance. Sim, eu sou uma pessoa PRÁTICA e, inclusive, isso é o que mais está me indignando no momento: como o mundo e as pessoas COMPLICAM a vida de gente como eu. Daí cheguei em casa e usei o cabinho USB do telefone pra passar as músicas pro celular. O computador não reconheceu o dispositivo, não abria de jeito nenhum. Tentei em dois computadores. No sábado mesmo, voltei na loja. Aí a recepcionista me mandou na VIVO (sim, juro) pra que eu procurasse um consultor da samsung, marca do bendito telefone. Fui de idiota. Não tinha ninguém. Voltei pra claro e tava outro cara na recepção, aí eu falei: QUERO SER ATENDIDA. E a pinta insistiu em saber o problema. Contei o caso com detalhes e ele falou: é porque tem que BAIXAR UM PROGRAMA no site da samsung pra poder fazer transferência de dados do telefone pro computador e vice-versa. Liguei pra minha irmã e pedi pra ela ver se existia mesmo tal programa, quando ela confirmou, voltei pra casa.

Quando testei o programa, ele não dava a opção de transferir arquivos (ou baixar) para o cartão de memória (que tem 1Gb), só pra memória interna, que tem uns meguinhas, apenas. Ou seja, dava colocar uma música e MEIA no telefone. Passei o feriado tentando SACAR o programa, porque talvez o problema fosse EU. Aí eu notei que as últimas fotos que eu tinha tirado (depois de configurar pra que elas fossem direto pro cartão) simplesmente desapareciam, caso eu tirasse o cartão do telefone e colocasse de novo. BIZARRO. E, embora as imagens lá estivessem, o celular sempre acusava que a memória do cartão estava TOTALMENTE disponível. Tentei colocar o cartão de outra pessoa e funcionou LINDAMENTE.

No dia seguinte, tentei entrar em contato com a samsung, mas não consegui falar com nenhum atendente. Na quinta de manhã, me atenderam. Eu expliquei a história e o cara me afirmou que a loja deveria trocar o aparelho ou, pelo menos, o cartão de memória. Aí perguntei se tava GRAVANDO e pedi o número de protocolo. Fiz ele repetir que tinha que trocar.

Cheguei na loja e me foi informado que, embora ainda não fizessem sete dias da compra, eu não podia trocar porque o celular não poderia ter mais de uma hora falada de uso. O meu tinha uma hora, UM MINUTO e DEZ segundos. Isso não é uma piada. Nisso eu pedi pra trocar só o cartão. E a mulher fuçava, fuçava e dizia: mas o cartão tá aqui ó! E eu dizia: sim, eu sei, ele diz que tá aí, mas no computador não rola, no maldito programa da samsung inclusive. Aí chamaram o tal consultor lá da vivo e ele e o outro atendente passaram uma hora e meia testando a bosta do telefone. Em umas quinze tentativas, eles conseguiram ler o meu cartão UMA VEZ. Daí testaram um cartão da loja UMA VEZ e ele não funcionou. Então, EVIDENTEMENTE o celular era o problema, mas não dava pra trocar.

Meu, eu não troquei antes porque fui mal atendida no dia posterior à compra. E, falando sério, a loja não tem OBRIGAÇÃO de me vender um lance que funcione?

Aí o atendente me falou que entraria em contato com os "superiores", mas que eles só dariam a resposta segunda. De qualquer forma, eu deveria ficar sem LIGAR ou RECEBER chamadas o fim de semana inteiro. Bom, eu discuti muito com o cara, achei um baita desaforo e falei: ok, farei isso, mas espero MUITO que vocês troquem essa joça.

Agora há pouco o gracioso me mandou uma mensagem dizendo que não trocariam o telefone. Liguei e pedi pra falar com a gerente, que disse que não poderia trocar o telefone mas o cartão de memória, sim. CARA, eu cheguei na loja pedindo OUTRO cartão de memória. O TEMPO TODO. Se tivesse problema no telefone, aí eu ia, sei lá, pra assistência técnica da samsung, ou mesmo na loja, mas aí eu saberia que o problema era O telefone. Não ficaria uma hora e meia em pé discutindo com dois caras que NÃO sabiam o que estavam fazendo pra que eles ficassem dizendo: " é o cartão, não é o cartão, tu vê... que estranho, o meu funciona diferente" e mais um monte de coisa inútil.

Ainda acho MESMO que a loja tem a obrigação de vender um lance que funcione. E que eu tenho o direito de desistir da compra, mas eu não entendo porra nenhuma de código de defesa do consumidor. Esse lance de não poder falar mais de uma hora confere? Alguém sabe se há a chance de eu bater o pé e sair com o mínimo de vantagem nessa história? Será que dá pra processar?

Sério, me irrita muito o fato de EU ter que sair correndo atrás e perder o meu PRECIOSO tempo (cada vez mais escasso, vocês sabem) pra resolver um problema ocasionado por um erro que não foi meu. To muito puta, mesmo.

6 comentários:

ce disse...

olha... nao tenho nenhuma resposta mas deixo minhas palavras de apoio: tu tem razao!!

vai no procon, uma vez fui e me deram infos relevantes. a clau tb conseguiu ir adiante num processo lá. é na andradas, parece.

karine disse...

aconteceu a mesma coisa comigo, queria trocar um celular, mas ele já tinha mais de uma hora de uso, logo, não trocaram. o fato é que nenhuma loja troca passados sete dias e mais de uma hora de conversação, tá na lei, tá no contrato. isso é problema do fabricante do aparelho (aliás, samsung é uma das piores), portanto, podes ir diretamente em qualquer assistência técnica da samsung com a nota fiscal do aparelho em mãos que eles resolvem teu problema. minha operadora é vivo e o celular, no caso, era LG, mas a orientação do pessoal da vivo foi essa e, pasme, deu certo.

boa sorte ;)

luís felipe disse...

www.anatel.org.br

reclamação na Anatel funciona, vai por mim.

juliana disse...

então, agradeço as sugestãs. vou aproveitar que a mulher que me atendeu na claro desligou o telefone na minha fuça e usar o protocolo do atendimento pra abrir o processo na anatel. e, simultaneamente, vou na samsung trocar a tranqueira.

mas, meu, que saco, viu? odeio ter que fazer essa mão toda. aff.

michele disse...

pior q qdo tu ameaça apenas ir ao procon eles se cagam todo... mas realmente é um saco fazer essa mão toda... eu tinha uma tranquera da samsung, e certamente foi a pior compra q já fiz... reclama na anatel mesmo.

Ana Laura disse...

viu? com o meu motorola não acontecia isso...

meus sinceros votos de sucesso nesse processo. nada me irrita mais que essas coisas injustas estúpidas. fiquei bufando com esse relato.